Menu
Terça , 25 de Setembro de 2018
tentativa de furto
Trio é preso pela policia após tentarem furtar agência dos correios em Vicentina
Acusados tentaram furtar e se preparavam para retornar a agência dos correios quando foram detidos pela polícia.

Trio disse que tentariam novamente furtar a agência dos correios (Foto: Divulgação / PM)
Três homens foram presos na noite do ultimo sábado, 7 de junho por Policiais Militares da Força Tática do 14ª BPM (Batalhão de Policia Militar) de Fátima do Sul, após tentarem furtar a agência dos correios da cidade de Vicentina, localizada a cerca de 9km de Fátima do Sul.

De acordo com informações policiais, a equipe da Força Tática foi informada de que na madrugada de sexta para sábado, por volta da 00h30, teria ocorrido uma tentativa de furto a agência dos correios de Vicentina. Diante das informações contidas em boletim de ocorrência registrado pelo 3º GPM (Grupamento de Policia Militar) de Vicentina, os policiais da Força Tática passaram a realizar diligências nas cidades de Vicentina e Fátima do Sul, com intuído de localizar e prender os possíveis autores da tentativa de furto. 

Durante rondas na Rua Nossa Senhora de Fátima, no Bairro Centro Educacional em Fátima do Sul, a equipe do Tático se deparou com três indivíduos defronte a uma residência em atividades suspeitas. Suspeitando de algo, os policiais abordaram e realizaram buscas pessoais nos três indivíduos, sendo eles: Rafael Arevalo Mateus, Leonardo Estevo e Lucas Matheus Novais, sendo que Leonardo e Lucas não possuíam documentos pessoais. Questionados sobre os motivos dos mesmos estarem em Fátima do Sul, ambos apresentaram versões diferentes e discordantes, sendo nenhuma condizente.

Aos serem questionados sobre seus documentos pessoais, Leonardo e Lucas afirmaram estar dentro de suas bolsas, dentro da casa de Rafael, pois estariam hospedados na casa do mesmo a cerca de dois dias. Na bolsa de Lucas, os policiais encontraram um RG em nome de outra pessoa, sendo que Lucas disse estar usando o RG do amigo devido ter muitos BOs. Em outra mochila, foi encontrada uma lixadeira maquita profissional, uma extensão de aproximadamente 20 metros, vários discos de corte e lixar, um estabilizador 220v e um pé de cabra.

Ferramentas apreendidas com o trio pela Polícia (Foto: Divulgação / PM)
Desconfiados dos apetrechos, que normalmente são usados em arrombamentos, os policiais indagaram novamente os abordados, sendo que Lucas relatou que havia vindo da cidade de Mundo Novo em companhia de Leonardo com intuito de realizar furto na agência dos correios em Vicentina, e que teria como comparsa a pessoa de Rafael e outro adolescente, os quais estariam responsáveis por darem suportes a eles como, moradia, veículo e arrumar as ferramentas para a prática do roubo.

De acordo com Lucas, a ordem teria partido de um dos membros de uma facção criminosa, o qual se encontra preso. Lucas informou ainda, que eles tentariam novamente furtar a agência dos correios de Vicentina. Na residência os policiais encontraram uma lona de cor amarela revestida com papel alumínio, que teria como finalidade impossibilitar que o alarme da agencia dos correios dispara-se quando o bando adentrasse no local; três rolos de papel alumínio; seis aparelhos celulares de diversas marcas; um notebook; arco de pua; alavanca tipo pé de cabra; uma chave inglesa; uma chave de fenda grande; um rolo de fita adesiva; três munições intactas de cal. 38; uma balança digital de precisão; 12 (doze) papelotes de uma substancia análoga ao crack prontas para serem comercializadas. Segundo os policiais, o local já vinha sendo monitorado, devido ter várias denuncias de que na residência funcionava um ponto de distribuição de droga.

Diante dos fatos, os autores foram encaminhados até a Delegacia de Policia Civil de Fátima do Sul, onde foram atuados por furto na forma tentada, corrupção de menores, associação criminosa, posse irregular de arma de fogo de uso permitido, tráfico de drogas e falsidade ideológica.

No celular dos acusados, os policiais encontraram vídeos com o passo a passo para que efetuassem o furto na agência dos correios. Em um áudio, Rafael afirma ter participado de um roubo em 2017, e que havia conversas que evidenciam que o mesmo seja membro batizado da facção criminosa PCC.

Em checagem no sistema policial, verificou que os acusados possuíam diversas passagens pela policia, entre elas furto, roubo na forma tentada, tráfico de drogas, homicídio simples e furto qualificado com rompimento de obstáculo.



facebook googleplus pinterest twitter