Menu
Domingo, 21 de Julho de 2019
Operação
Carga de cocaína apreendida na fronteira com MS seria de Minotauro
Droga teria passado por controle de qualidade da quadrilha

A carga de duas toneladas de cocaína apreendida em dois veículos na cidade Yby Yaú no departamento de Concepción no Paraguai seria do narcotraficante Sérgio de Arruda Quintiliano, de 36 anos, o Minotauro, que foi preso na última segunda-feira (4), em Santa Catarina.

Segundo o chefe do Senad, Arnaldo Giuzzio a carga seria do Minotauro, e da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) com quem Sérgio teria ligações. Giuzzio ainda disse que a droga teria passado por uma série de aprovações pela quadrilha para entrar no Brasil.

A carga teria vindo da Bolívia ou Peru. Três pessoas foram presas, entre elas uma mulher de 21 anos. Foram detidos Panfilo Barrios, de 35 anos, Mario Ramón Ibáñez López de 26 anos, e Sandra Zunilda Coronel Diana.
Segundo o site ABC Color, quatro veículos foram apreendidos além dos celulares dos presos.

Operação
A polícia paraguaia deflagrou na manhã desta quinta-feira (7), uma operação para prender integrantes do grupo de Minotauro, em Pedro Juan Caballero. 12 pessoas já foram presas, entre homens e mulheres.

A operação aconteceu de madrugada e integrantes ligados a Sérgio de Arruda Quintiliano, de 36 anos, foram presos além de apreensão de seis armas longas e várias munições de diversos calibres. De acordo com o promotor Hugo Volpe, uma das pessoas presas, que não teve a identidade revelada, seria o assassino da advogada Laura Casuso.



facebook googleplus pinterest twitter